26 de dezembro de 2006

As Palavras

Às vezes as palavras ficam perdidas no fundo de um olhar, penduradas num sorriso ou outro. E quando damos por elas estão a descansar nalguma escada solarenga da nossa alma. Deixam-se ficar a ver o pôr-do-sol e a pedir-lhe baixinho para se demorar mais desta vez. E há manhãs em que saltitam no sorriso do sol, irrequietas e felizes, em que salpicam os dias de magia. Mas também há dias em que a noite é o único consolo e as palavras se escondem atrás de portas trancadas pelo tempo, se reduzem a feixes de luz esquecidos no amanhecer, a reflexos do céu nas águas paradas.
São horas em que as palavras se entristecem e pintam as frases a negro, escondem segredos. Falam baixinho, sussurram até, têm medo de fazer sangrar as feridas e rasgar de novo a pele. Tão fortes e tão frágeis.
Esquecem-nas tantas vezes nos parapeitos das janelas, nas ombreiras das portas cerradas de madeira roída e antiga. E elas permanecem como se tivessem nascido ali, nalgum canto que o sol esqueceu, no abrigo da chuva. Usamo-las com tanto desprezo que o gelo não é capaz de as abraçar e as gotas de chuva quente não chegam para as consolar. É por isso que às vezes, mas só às vezes, fogem de nós…

10 comentários:

rtportinha disse...

As palavras... são muito frágeis... é por isso que temos de as usar com muito cuidado. E naqueles momentos em que estas nos parecem abandonar, dizemos-lhes, num tom amigável: "as que gostam de mim, fiquem, por favor; as outras, se quiserem, podem ir!"

Beijinhos grandes****

Anónimo disse...

Palavras..... o que seria a nossa vida sem elas? E no entanto muitas vezes são elas as responsáveis pelas confusões da nossa vida... Que relação mais ambígua, mais íntima e ao mesmo tempo mais estranha que temos com elas, sentindo-as como parte de nós e ao mesmo tempo como coisas estranhas a nós.... Complicado.

"Sometimes words are not enough and all I wanted to know is hidden in the brightness of your smile..." (porque às vezes as palavras são msm desnecessárias)

Bjos*************

Cynath disse...

E no entanto sabe tão bem quando uma palavra que nos é dita permanece conosco durante dias, meses, anos... =)

Para não variar, texto excelente!
*

Gavi disse...

às vezes são tão dispensáveis tb...

gostei, especialmnt a parte do pôr.do.sol, muito mesmo!

MiLady disse...

as palavras conseguem ser mesmo complicadas..(ou seremos só nós a torná-las assim?)

Anónimo disse...

Escreves só assim: LINDAMENTE! Parece que oiço as tuas palavras! Parabéns

Anónimo disse...

E, mesmo assim, só tenho palavras para ti... Como: BOM ANO!!!

Bj.

Anónimo disse...

Porque uma palavras pode fazer toda a diferença... porque ás vezes são totalmente desnecessarias... porque marcadas podem ficar ou simplesmente perdidas no tempo viver!

Exelente texto:)
Dorei:)

Yamada Hanatarou disse...

Palavras... há palavras que nos beijam, que nos acariciam o rosto... outras que nos magoam, que por vezes não merecemos ouvir, mas quase todas nos transformam...
Para ti, só tenho três: Ganda texto tats! :D

Natal disse...

tens mm jeito pa escrita. e kd das 1 livro a este ppl td??? axo k ja é merecido!
Continua a fazer mt gente sorrir com os teus posts=)

Amo-te linda. bj*